Vampires Diaries RPG
Se perca em um mundo desconhecido, cheio de mistérios, magias e perigos. Uma pacata cidade que esconde em suas avenidas histórias inimagináveis. Onde a morte, que outrora era a única certeza da vida, se torna tão duvidosa quanto os pensamentos distintos que todos escondem em seu subconsciente. Seres sobrenaturais vagam naturalmente no meio dos humanos, em uma rotina nada normal. E segredos são descobertos a cada instante.
Venha conhecer a cidade mais surreal dos Estados Unidos, Mystic Falls.

Vampires Diaries RPG


 
InícioPortalFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se
A partir de agora, os Lobos evoluem de forma igual aos Vampiros, através de posts! CLIQUE AQUI
Seja bem-vindo(a), Convidado.
O MYSTIC NEWS está de volta! Se atualize!! ACESSE

Compartilhe|

Charlotte Walters

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo
AutorMensagem

Bruxos
avatar
Nome de Usuário:
Charlotte Walters

Linhagem : [-]
Mensagens : 173
Dólares Dólares : 3999
Data de inscrição : 05/04/2013
Localização : Mystic Falls

Ficha Mística
Pertences:
Poderes:
Barra de Conduta:
10/10  (10/10)

MensagemAssunto: Charlotte Walters Ter 28 Jan 2014 - 0:00

Misty Walters
Missão de bruxaria
 

Há quem diga que Gossip Girl acabou, minha série favorita de um garoto solitário que adotou a linguagem feminina de Manhattan para escrever sobre a vida escandalosa e glamourosa de nova-iorquinos sempre repleta de ''notícias'' bombásticas. Eu digo que não, um fofoqueiro como esse garoto solitário tem espalhado aos montes, e não é porque nosso mundo sobrenatural é fora do normal que isso pare de existir. A notícia recente é que um vampiro estrupador morreu em dia de Lua Cheia na floresta de Mystic Falls, e quem mais seria os autores do crime? Lobisomens. Alguns ainda insistem em dizer que essa cidadezinha é pacata mas na minha opnião, acaba sendo muito mais movimentada que montanha-russa. Não sei e ao menos quero saber como eles ficaram sabendo sobre isso, mas em um família totalmente de bruxas austuciosas, até demais, notícias como essa circulam constantemente dentro da mansão Walters e fora dela.

O dia estava lindo e a noite ficou também e com ela uma notícia assustadoramente inacrê escapou da boca de Cordelia, minha mãe, na mesa de jantar. Um anel banhado a ouro, disse ela, mas não prestei atenção direito, achei que ela brincava conosco porque cada uma Walters possuia dinheiro o suficiente para vários anéis como esse. Cordelia prosseguiu, vociferando que o valioso anel também banhado de ganância, com um poder imensurável capaz de dar o mundo a quem portar ele sob a alma amaldiçoada do seu dono que quer ressucitar, ressurgiu no mundo, ressurgido porque a última documentação feita sobre ele era de quando Roma abandonava o Estado Republicano e instaurava um império sobre a Terra. Ele teria pertencido a Cleópatra e pela sua posição de Rainha do Egito da última dinastia de Ptolomeu, um magista resolveu conservá-lo após a morte dela que agora está morto, dizem as más línguas.

- Perdi a fome. - disse indagando ao abandonar a mesa de jantar. Acostumada com a calmaria longe da cidade, ficar ali com uma família estranha e de falório constante me deixava com vontade de vomitar, também não agradeciam Deus pela comida no prato. Chegando no meu quarto apressadamente, tranquei a porta e respirei profundamente apoiando as costas nela, mesmo que pudessem quebrar a casa toda se quisessem, me sentia segura em um lugar só meu. - Não serei eu que vou pro inferno. - pensei para dentro, relaxando o corpo sobre a cama macia e observando as estrelas grudadas no teto, brilhantes. Meus olhos reviraram com elas até que o sono me assolou com uma brisa leve e acalentadora, me levando a fechar os olhos e dormir. Algumas palavras da minha mãe ainda me atormentavam.

 Sol, magnífico e iluminador. Raios solares invadiram o meu quarto, e assim acordei preguiçosa, rejeitando a realidade daquele dia. Rastejei meu corpo praticamente para fora da cama, indo parar debaixo do chuveiro em passos cambaleantes após durante o trajeto desvencilhar-se das roupas, arremessando-as pelo chão do quarto e ficando completamente nua. Liberei a corrente de água morna sobre meu corpo ao girar a válvula do chuveiro. Gota por gota desceu constantemente pelas minhas curvas, limpando meu corpo e também me tranquilizando quando a água caia no chão. Ninguém por perto, só uma enorme tranqulidade e paz.

Coloquei uma roupa decente quando sai do banheiro enrolada em uma toalhada branca e desci as escadas da mansão Walters, deixando a residência em seguida e caminhando pelas ruas e vielas de Mystic Falls calmamente para aproveitar o dia. Alguns minutos depois, encontrei um barzinho ou restaurante, talvez os dois, não sabe como descrevê-lo. Um bar restaurante chamado Mystic Grill, muito bonito por sinal, me aproximei e empurrei a porta da entrada, percorrendo o olhar pelo seu interior e costantando também a beleza rústica de dentro. - Um sanduíche vegetariano, por favor. - disse ao garçom que chegou para me atender na mesinha que eu me encontrava, e ao ouvir meu pedido ficou um pouco sem jeito, talvez pela opção vegetariana ser pouco pedida ou não existente ali, mas assim seguiu devolta para o seu posto e depois de um tempo trouxe o meu sanduíche com vegetais.

- Obrigada. - agradeci, exibindo um rápido sorriso entre os lábios e peguei o sanduíche com as duas mãos, abocanhando parte dele em uma mordida, estava faminta. Não percebendo, uma dupla de homens se aproxima de mim, sem mais ou menos me pertubando com muita ignorância se eu tenho dominação de línguas antigas. – Hã? O que você disse? – falei para eles, forçando um semblante de confusa, podiam ser dois malucos qualquer. Tentei ir embora, mas um deles me impediu ficando na frente e falaram que tinham em posse um pergaminho raro, então me interessei e tentei uma negociação mas não deu certo. Como última forma disse, usufruindo de um poderio do coven que pertencia, para fazê-los acreiditarem que não seria um problema o que eu disesse, que poderia tentar, como a minha família é muito antiga e aprendi com os livros dela muitas coisas que seriam indecifráveis para alguns, mas que não poderia mostrá-los os livros e que eu traduziria tudo e depois me encontraria com eles hoje mesmo.

------------------------------X-----------------------------

- NÃO! - gritei o mais alto que pude, acordando assustada no meio da noite. Meus olhos arregalaram depois do pesadelo que tive, bem comum a alguns dias, não entendia o porque daquilo. Me encontrava em plena escuridão no pesadelo, e ouvia sussurros estranhos próximos e distantes, que sempre acabavam no final de cada frase chamando meu nome. Não aguentava mais aquilo, tudo começou quando tomei posse do pergaminho raro, que quando tentei traduzir o que tinha nele, não consegui de jeito algum, e também mesmo com o papel inteiro metade dele encontrava-se em branco como se misteriosamente tivesse sido apagado ou me fizeram de boba, algo impossível na minha opnião. Agora o mais importante era a minha atual aparência, desidratada e muito magra além do normal, uma fraqueza me assolava, ainda mais quando acordava de um pesadelo... o susto de ser consumida sempre por um olho gigante de fogo e enxofre na minha frente.

Depois de um tempo me recuperando da fraqueza, voltei a dormir e horas depois, já de noite, acordei cansada de um novo pesadelo mas idêntico aos dos dias anteriores. Mas não era o que me preocupava mais no momento, mas sim o cheiro de gás que invadia minhas narinas por uma brecha da porta aberta, então rapidamente me levantei da cama e desci as escadas, deparando-se com a casa completamente correndo risco de explodir e a única que consegui pegar foi o pergaminho esquisito dentro do cofre atrás do quadro de mademoiselle Walters III na sala de estar da mansão.

Cof, cof. Tudo o que conseguia deixar escapar da minha boca e após isso, visualizei a mansão Walters explodir, não tendo outra opção comecei a caminhar pelas vielas escuras em busca de um abrigo para passar a noite e trocar de roupa, porque sai com a roupa de dormir, uma lingerie muito sexy que lamento usar na ocasião com todas as minhas forças. Olhei para trás duas vezes, achando que estava sendo seguida, e na terceira fui surpreendida pelos menos homens que me ''entregaram'' o pergaminho raro. - Vocês aqui? Como me descobri...ops. - antes que pudesse teminar de falar, fui assolada por um jorro telecinético para dentro da lixeira próxima e fiquei enojada com aquilo. - Malditos... - me concentrei neles, exalavam magia telecinética com maestria mas não sabiam que eu também, mas eram dois que concluiam o ataque um do outro, mas fui mais esperta e rapidamente desloquei o corpo de um contra o do outro, como se fosse um jogo de xadrez ou dominó, algo do tipo, e fiz eles bruscamente baterem seus corpos na parede e depois no chão com certo esforço. - Meu deus, eu consegui... - suspirei profundamente quando verifiquei os dois desmaiados e sai correndo até conseguir ajuda, mas antes verificando o conteúdo do pergaminho, e uma planta surgiu nele após vários quadrados, parecendo curiosidade uma catedral bizantina e em seguida o papel se autodestrói. Não me importei com o aquilo, sempre preferi estar viva, então fui para o hospital próximo e depois procuraria pelos homens novamente para matá-los.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário

Ex Staff
avatar
Nome de Usuário:
Twisted Fate

Criador: : Desconhecido
Mensagens : 38
Dólares Dólares : 7014
Data de inscrição : 08/01/2014

Ficha Mística
Pertences:
Poderes:
Barra de Conduta:
10/10  (10/10)

MensagemAssunto: Re: Charlotte Walters Dom 2 Fev 2014 - 1:54

Avaliação


→ Após várias conversas a situação foi resolvida, missão aceita. 

→ Tome cuidado para que isso não volte a acontecer.

Nível atual 8.


Aaron Ramsey
®️
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário

Charlotte Walters

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo
Página 1 de 1

Tópicos similares

-
» [Treino Conjunto] Time 02 - Charlotte, Marilyn e Samesuke
» Cheiro de Início, os grandes feitos da pequena Charlotte
» O descansar de uma lenda. Vá em paz, Charlotte.
» MvP Comum | Marcus Alott e Charlotte Dutt Loubet
» ✓[FICHA] Charlotte Dutt Loubet

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Vampires Diaries RPG :: Lendas e Sussurros-